• Joana Pinheiro

É possível corrigir uma restrição de crescimento uterino?



Sabia que cerca de 30% dos fetos têm restrição de crescimento uterino?


Os bebés PIG são bebés que nasceram Pequenos para a Idade Gestacional (PIG)/ small for gestacional age (SGA). Esta classificação é feita através da avaliação do peso, do comprimento e da idade gestacional, de acordo com as curvas de crescimento fetal padronizadas.


Existem alguns bebés que são pequenos porque de facto os seus pais são pequenos, não sendo sinónimo de problema algum. Contudo, em muitos casos, esta situação acontece por problemas relacionados com o crescimento do bebé in utero. Nestes casos existe um compromisso do desenvolvimento de forma plena dos órgãos e tecidos, pois o bebé não receba os nutrientes e oxigénio necessários.

Sabemos que as crianças que nasceram PIG têm um risco aumentado de complicações a curto e a longo prazo, incluindo falta de oxigénio perinatal e alterações do desenvolvimento neurológico. Têm ainda maior incidência de baixa estatura, obesidade, doenças cardiovasculares e diabetes mellitus tipo 2.


O estado de saúde da mulher grávida reflete-se na saúde do seu bebé.

Faça escolhas saudáveis|Alimente-se bem| Beba água regularmente | Disfrute da sua gravidez| Procure evitar a exposição a tóxicos.


!!Se está grávida e tem alguma ecografia onde já exista o registo de uma restrição do crescimento uterino, saiba é possível otimizar a passagem de nutrientes e oxigénio in utero, com base na abordagem da nutrição funcional!!


Quando necessário, em consulta procura-se garantir que:

- a mulher está a ter uma alimentação de elevada densidade nutricional

- não há compromisso na absorção de nutrientes

- utilizar estratégias específicas para otimizar a passagem de nutrientes e oxigénio para o bebé.

- conhecer se existem polimorfismos genéticos que possam predispor a ter bebés PIG.


Quanto mais cedo for a intervenção, melhor!

Marque já uma consulta e otimize todo o seu estilo de vida.

Partilhe esta informação com alguma grávida que precise.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo